24 de abril de 2011

Podio das 100 Milhas de Ponta Grossa edição 96

Acima o podio da fusca Cross nas 100 milhas de Ponta Grossa edição 96, o pessoal quase não se sujo de lama !!!!


8 comentários:

Gabriel Sutil disse...

Angelo o que vc me diz deste podio, acredito que vc olhando se lembra da tua vitoria heehehe. não tava muito diferente.

Abraços.

Deivicris disse...

Consigo identificar o seu Eduardo (2º da esquerda para a direita e o 'Maninho' o último da foto de branco.

Allan disse...

O Farina ali de macacao branco andava pa caramba ando uns tempo com a gaiola 20 junto com o Vaz

Roberto Caillot disse...

o Luiz Sergio Farina era o "cara" (pilotava o fusca do Ivo Gordo) no tempo da Equipe Stremel de PG na década de 80..........na mesma época do Maneco 13 e do Edemar De Geus 14.....esses caras faziam fila passando pela "farofa" ....tempo bom

Angelo Gomes Pontaracing disse...

Gabriel... foi o que mais me emocionou na minha vitória, ganhar uma corrida de Fusca Cross mesmo!!! corrida que nem antigamente, com pista molhada, aonde braço e cabeça valia mto mais do que equipamento... não que eu tenha braço, mas tive mta cabeça pra me manter na psita sem erros...

Angelo Gomes Pontaracing disse...

Agora aos pilotos, o primeiro da esquerda é um rosto familiar, mas não sei quem é. Na sequencia Seu Eduardo, depois o Luiz Farina, que segundo me contam era um excelente piloto que não tinha mais destaque por falta de orçamento, no segundo lugar me parece o Mauricio Nass, eterno piloto do fusca amarelo e verda da Vidros Kar, lá na quinta colocação o Abenildo, corria com o fusca 12 e de camiseta branca o maninho. Acho que o vencedor dessa corrida é o Albari Lima Junior, alguem confirma?

carlos lisboa disse...

pior que nao é o junior nao, ele tinha bigode hehehehehe sei por meu irmao trabalhou no carro dele por ums 6 anos

LUIZ FARINA disse...

Não é por falar,mais o Luiz Farina, meu Grande Pai, foi o maior piloto de Fusca Cross que ja existiu...Só quem viveu seu dias de corrida, sabe como ele divertiu , emocionou, brigou, perdeu, vendeu,e verdadeiramente respeitou essa profição.
PARABÉNS PAI